quinta-feira, 25 de agosto de 2016

0 Zé Ricardo: Respeite a torcida e a instituíção

Boa noite a todos,

Como todos sabem, hoje o Flamengo simplesmente foi atropelado pelo Figueirense por 4x2 no Orlando Scarpelli, em jogo válido pelo mata mata da Sulamericana.
Esse placar elástico, foi construído no primeiro tempo com vitória do Figueirense por 3x1, em todos com erros claros de uma equipe que parecia um bando em campo, no primeiro gol, além da falha de marcação, o goleiro Paulo Victor aceitou um chute defensável de Rafael Moura, logo depois, o Flamengo empatou com Alan Patrick, porém, Marquinhos, de cabeça, virou para os catarinense, novamente em falha da marcação e o terceiro gol saiu em um erro grave do zagueiro Donatti, o mesmo escorregou e Rafael Moura aproveitou e encobriu o goleiro Paulo Victor, que nada pôde fazer.

O primeiro tempo do Flamengo foi pífio, totalmente disperso, foi presa fácil para fraca equipe do Figueirense, o meia Carlos Alberto e o atacante Rafael Moura, foram os grandes destaques da primeira etapa.

Já o segundo tempo, começou logo com um gol, após cruzamento, Rafael Moura fez seu terceiro gol, ele desviou de cabeça e o goleiro Paulo Victor, cometeu uma grande falha, entrando com bola e tudo. E o jogo continuava parecendo uma tragédia, o Flamengo não acertava nada que tentava e ainda sofria com a insegurança de seus zagueiros (Juan e Donatti) e de seu goleiro (Paulo Victor), mas em um lance isolado, depois de várias tentativas de jogada na área, Alan Patrick cruzou, Juan desviou e a bola sobrou na cabeça de Marcelo Cirino que fez o gol de honra e que dá uma esperança para o jogo de volta.

Mas após esse resumo da partida, o que isso tem haver com o título da postagem? Tudo.
O Flamengo estava vindo de boas partidas, com o time sendo encaixado, porém, hoje o treinador Zé Ricardo, resolveu poupar boa parte do time, com isso o rendimento caiu, a defesa bateu cabeça, não aconteceram jogadas pelas laterais e o meio campo estava completamente aberto. Nesse caso, acho que o treinador Zé Ricardo faltou com o respeito com a torcida e com a instituíção Flamengo, tendo em vista que o time tem que entrar pra brigar por qualquer título e depois de um primeiro semestre horrível, com eliminação precoce da Copa do Brasil, Estadual e Primeira Liga, o título da Sulamericana parecia ser obrigação. Ainda há uma segunda chance, na Quarta que vem, em Cariacica, se o Flamengo vencer por 2x0, já consegue conquistar sua classificação. Mas fica de lição, não dá para poupar time.

Lembrando que agora o Flamengo joga em Chapecó contra a Chapecoense e o Figueirense viaja para Santos, enfrentar os donos da casa, ambos pelo Campeonato Brasileiro.

Um abraço a todos.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

2 Mercado de transferências - Parte 1


   A temporada 2013 já começou, os clubes já estão fazendo a pré temporada, mas os reforços não param de chegar, nesta postagem eu vou falar sobre a entrada e saída dos clubes da Série A. Primeiramente vou fazer sobre os clubes cariocas.

Flamengo: O Flamengo começou a se mexer hoje, nesse quesito de transferências, o clube fechou com Elias que estava no Sporting e já jogou no Corinthians, com o meia Gabriel do Bahia e com o lateral esquerdo João Paulo que jogou a última temporada pela Ponte Preta. E o zagueiro Alex Silva, retornou de empréstimo do Cruzeiro. Os jogadores que deixaram o clube foram: O atacante Negueba que foi para o São Paulo, o meia Bottinelli que foi para o Coritiba, o lateral direito Wellington Silva que foi para o Fluminense, Wellington Bruno que foi para a Ponte Preta, o volante Rômulo que foi para o Boavista e por fim, o zagueiro Marllon e o atacante Lucas que foram dispensados.

Fluminense: O atual campeão brasileiro, resolveu manter o elenco campeão e fazer contratações pontuais, contratou o lateral Wellington Silva do Flamengo,  o lateral argentino Monzón do Lyon e o meia atacante Rhayner, que jogou pelo Náutico na última temporada, deixaram o clube o jovem lateral Wallace, que foi para o Chelsea e o lateral esquerdo Carleto, voltou ao seu clube de origem, que é o São Paulo.

Botafogo: O alvinegro fez cinco contratações, os zagueiros Rafael Defendi que estava no Vitória de Guimarães e Bolívar que estava no Inter, contratou o lateral esquerdo Júlio César que atuava pelo Grêmio e o atacante Henrique, que estava no Sport. Deixaram o clube, os zagueiros Fábio Ferreira que vai jogar pelo Criciúma e Brinner que vai jogar no Bahia, o lateral Lennon foi para o Atlético-GO e os atacantes Jóbson que foi para o São Caetano, Loco Abreu que foi para o Nacional-URU e Elkeson que foi negociado com o Guangzhou Evergrande. Somália que voltou de empréstimo da Ponte Preta, acabou sendo dispensado pelo clube.

Vasco: Dos cariocas, foi o que mais movimentou o mercado, muitos deixaram o clube, por conta dos problemas financeiros e a diretoria teve que correr para fazer contratações, chegaram ao clube os seguintes jogadores: o goleiro Michel Alves que estava no Criciúma, o volante Fillipe Souto que estava no Atlético-MG, o lateral Elsinho que atuou no Brasileiro pelo Figueirense, o desconhecido zagueiro André Ribeiro que estava no Novo Hamburgo, os volantes Sandro Silva que estava no Cruzeiro e Pedro Ken que estava no Vitória, além do atacante Leonardo que estava no Atlético-MG. Retornaram ao clube, os meias Bernardo que estava no Santos e Mateus que estava no Criciúma e o atacante Nilson que estava no Paraná. Saíram do clube os seguintes atletas: o meia Juninho Pernambucano que foi para o New York Bulls, o goleiro Fernando Prass que vai jogar no Palmeiras, o lateral Auremir que vai jogar no Náutico, o atacante Pipico que vai jogar no FC Dallas, o lateral William Matheus que vai jogar no Goiás e os atacantes Alecsandro que foi para o Atlético-MG e William Barbio que foi para o Atlético-GO. Felipe e Eduardo Costa deixaram o clube.

Espero que tenham gostado e farei a postagem sobre os paulistas.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

1 Jogador morre em treinamento


   Mais uma vez, voltamos a esse assunto chato, morte de algum atleta de futebol, em campo. Desta vez, foi o jogador Neto Maranhão, que atuava pelo Potiguar. O atleta de 28 anos, faleceu depois de sofrer uma parada cardio-respiratória, durante um treinamento do clube. O jogador já teve um mal estar quando atuava no Biguaçu, clube de Santa Catarina, mas foi reanimado. Os jogadores do Potiguar, começaram a temporada, sem que todos tivessem feito  os exames de início de temporada, tão cobrados em clubes da primeira divisão.

   O que ficou claro, em todas as imagens que vi sobre o que aconteceu com o atleta, foi a falta de atendimento e de ambulância no local, mas infelizmente não é só neste caso que isso acontece, a falta de fiscalização, é notória em todo o Brasil, vários clubes pequenos, sequer tem médicos disponíveis em seu staff, tem clubes que conta apenas com massagista que faz tudo, e não coloco a culpa só no clube não, pois muitos deles não tem estrutura e dinheiro suficiente para tantas despesas, culpo também a confederação de futebol do Brasil, que não dá um suporte a esses clubes, que só aparecem mesmo na mídia, quando tem estaduais ou tragédias como essa. As mordomias de um jogador de futebol, só estão nos times grandes, quem joga em time pequeno, sofre e sofre muito.

  Infelizmente, esse caso de Neto Maranhão não será o último, será um caso esquecido e nada será feito para os clubes pequenos, muitos atletas morrem por conta disso e nem tem divulgação por todos os meios de comunicação.

  Lamento pelo ocorrido e desejo força a família e amigos de Neto Maranhão.

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

0 Messi gênio, melhor do mundo de novo


   O título fala por si só, esse argentino é um gênio e o mundo mais uma vez o coroou como melhor do mundo, pela quarta vez consecutiva, o argentino quebra o recorde que era de Ronaldo e se torna o único jogador a conseguir tal feito, quatro vezes seguidas. Ele recebeu 41,6% dos votos. Lembrando que o argentino conseguiu marcar 91 gols em 69 jogos em 2012. Além desse prêmio, o argentino ficou na seleção do mundo, que simplesmente foi composta por jogadores do Campeonato Espanhol. 

A seleção ficou assim:

Casillas (Real Madrid)
Daniel Alves (Barcelona)
Sérgio Ramos (Real Madrid)
Piqué (Barcelona)
Marcelo (Real Madrid)
Xavi (Barcelona)
Xabi Alonso (Real Madrid)
Iniesta (Barcelona)
Messi (Barcelona)
Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
Falcão García (Atlético de Madrid)

   Nas outras premiações, a federação de futebol do Uzbequistão ganhou o prêmio fair play, o melhor treinador foi o espanhol Vicente Del Bosque, que é o treinador da seleção espanhola, no lado feminino, a melhor jogadora foi a americana Abby Wamback, deixando a brasileira Marta em segundo lugar, a melhor treinadora foi a sueca Pia Sundhage, que treinou a seleção dos EUA, que foram as medalhistas de ouro em Londres, além de Franz Beckenbauer, que ganhou o prêmio presidencial da FIFA. E fechando, com o prêmio Puskás, que é dado ao gol mais bonito do ano, nesta premiação, o brasileiro Neymar estava concorrendo, mas perdeu para o gol de Miroslav Stoch do Fenerbahçe.

Então é isso, Messi mais uma vez sobrando. Será que em 2013 tem mais show do argentino? Vamos aguardar.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

19 Explicação de cada função em um jogo de futebol


   Bom, agora farei uma postagem mais para explicar um pouco mais das táticas e um pouco da função de cada posição, já que tem algumas pessoas que não entendem muito do que cada função representa, então resolvi pegar uma tática que anda  muito famosa pelo mundo, a campeã do mundo e da Europa, que é a Espanha, o atual campeão Brasileiro, que é o Fluminense também e o campeão mundial e da Libertadores, que é o Corinthians, todos eles usam a tática 4-2-3-1, que está na foto abaixo. Minha explicação será para cada posição.
   



Goleiro: Não está na foto, e a maioria sabe o que é, mas como eu disse, muitos não sabem, o goleiro é o que evita a equipe adversária a marcar gols, é uma das posições mais difíceis, já que é uma pressão muito grande, pode fazer uma partida memorável mas se errar, fica marcado negativamente. O melhor atuando no Brasil hoje, para mim é o Diego Cavalieri - Fluminense.

Laterais: Essa posição está escassa no Brasil, aqui vou falar do lateral direito e do esquerdo, já que ambos fazem a mesma função, apenas em lados do campo diferentes, a função dos laterais, também é bastante complicada, tem que atacar com frequência, mas não pode deixar espaços na defesa, o ideal para uma equipe ter equilíbrio na marcação, é subir um lateral de cada vez, ou seja, quando o da direita estiver atacando, o da esquerda deve estar em posição de marcação e vice versa. Precisam muito da ajuda dos volantes, para ter um bom desempenho, tanto na marcação, quanto na armação de jogadas. O melhor lateral direito atuando no Brasil hoje, é o Marcos Rocha - Atlético-MG e o melhor lateral esquerdo é Bruno Cortez - São Paulo. Obs: Não os considero bons jogadores, mas devido a falta de bons laterais no Brasil, foram os meus escolhidos.

Zagueiro Central e Quarto zagueiro: Também funções iguais, apenas diferenciando no lado, o zagueiro central joga pelo lado direito e quarto zagueiro joga pela esquerda. Tem como função, proteger a sua meta e fazer com que o goleiro tenha menos trabalho, ou seja, evitar que a equipe adversária marque gols,  em muitos times, os zagueiros tem uma importância na criação de jogadas, já que se tem uma boa saída de bola, maior a chance de criar alguma boa chance. Tem zagueiros também que são artilheiros, um exemplo deles, são os que irei citar. Os melhores zagueiros atuando no Brasil são: Réver e Leonardo Silva, ambos do Atlético-MG.

Volantes: Posso dizer com precisão, que os volantes fazem parte do coração de uma equipe, se uma equipe quer ter sucesso, é importante ter uma boa dupla de volantes, tem equipe que joga com um volante só, mas o ideal é ter dois, já que um marca mais e outro ataca com mais frequência. Explicando de forma mais lógica, um volante tem como função, proteger a zaga e os laterais e também é responsável pela saída de bola de uma equipe para o ataque. Quando uma equipe joga com volante chegando com elemento surpresa, também aumenta a chance de ter um ataque bem sucedido. A melhor dupla de volantes no Brasil são Ralf e Paulinho, ambos do Corinthians.

Meias Extremos (Pontas): Antigamente se jogava com esse tipo de jogadores, depois com o tempo, essa posição foi acabando e agora, com os títulos da Espanha pelo mundo, essa posição voltou a moda, também considero uma função tática importante, é uma posição que dá um suporte aos laterais quando vão ao ataque, podemos considerar atacantes, já que entram com grande frequência dentro da área, muitos até, fazendo gols e fazem o primeiro combate quando estão na marcação, geralmente fazem com que os laterais adversários não subam com frequência. Os melhores do Brasil são, Neymar - Santos e Wellington Nem - Fluminense.

Meia Articulador: É o famoso camisa 10, cérebro da equipe, boa parte das jogadas de gols, passam pelos pés desse jogador, não tem tanta obrigação para marcar, apenas deixar os atacantes na cara do gol. Dois bons meias desse tipo no Brasil são: Montillo (agora no Santos) e o melhor que é Paulo Henrique Ganso - São Paulo.

Atacante: É o que faz a torcida comemorar, é o que coloca a bola para as redes adversárias, tem apenas uma função básica: Fazer gols. Pode estar jogando a pior partida, mas se faz o gol da vitória, vira capa de jornal. Muitos ainda marcam a saída de bola da equipe adversária. O melhor do Brasil nesta função é Fred - Fluminense.

E aí? Gostaram? Espero que eu tenha ajudado um pouco nessa explicação.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...